TREINADORES CENTRO MENTE ABERTA - MINDFULNESS BRASIL

Nossos treinadores são experientes instrutores de Mindfulness, preparados para ministrar cursos para praticantes e de formação para outros instrutores, nos protocolos MBHP, MBCT e ABCT.


 

 

Marcelo Demarzo

Fundador e Coordenador do Centro Mente Aberta e Mindfulness Brasil

[su_expand more_text="Saiba mais" less_text="Saiba menos" height="0" text_color="#86b2ed" link_style="dashed" more_icon="icon: chevron-down" less_icon="icon: chevron-up"]Médico formado pela USP e Pós-Doutorado em Mindfulness e Saúde pela Universidad de Zaragoza (Espanha), professor, pesquisador e vice-coordenador do Programa de Pós Graduação (mestrado e doutorado) em Saúde Coletiva do Departamento de Medicina Preventiva da Escola Paulista de Medicina – UNIFESP.

Instagram: @drmarcelodemarzo[/su_expand]


 

Odisséia Martins

[su_expand more_text="Saiba mais" less_text="Saiba menos" height="0" text_color="#86b2ed" link_style="dashed" more_icon="icon: chevron-down" less_icon="icon: chevron-up"]Professora Instrutora de Mindfulness do Centro Mente Aberta Mindfulness Brasil . Especialista em Mindfulness pelo Centro Mente Aberta - UNIFESP. Facilita treinamentos baseados em Mindfulness, Mindful Eating e Compaixão. Professora de Kum Nye- Relaxamento e Yoga tibetano. Colaboradora na formação profissional de instrutores do Centro Mente Aberta     Mindfulness Brasil desde 2016.

Instagram: @viverpresentemindfulness

Website: https://www.viverpresente.com.br [/su_expand]


 

 

Olga Durães

[su_expand more_text="Saiba mais" less_text="Saiba menos" height="0" text_color="#86b2ed" link_style="dashed" more_icon="icon: chevron-down" less_icon="icon: chevron-up"]Atua como instrutora de Mindfulness graduada pela Unifesp, mestranda em Saúde Coletiva pela Unifesp, professora de meditação graduada pela Yoga Teachers Association- EUA e como instrutora de compaixão graduada pelo Instituto Cultivo (México). 

Instagram: @em.meditacao[/su_expand]


 

 

Sonia Beira Antonio

[su_expand more_text="Saiba mais" less_text="Saiba menos" height="0" text_color="#86b2ed" link_style="dashed" more_icon="icon: chevron-down" less_icon="icon: chevron-up"]Professora Instrutora de Mindfulness do Centro Mente Aberta Mindfulness Brasil . Especialista em Mindfulness - Centro Mente Aberta - UNIFESP; Psicopedagoga Clínica e Institucional; Instrutora Profissional certificada pelo Centro Mente Aberta - UNIFESP; Professora na Formação de Instrutores de Mindfulness; Sócia Fundadora de Desenvolve Seres Humanos.

Website: www.desenvolvesh.com.br[/su_expand]


 

 

Thais Requito

[su_expand more_text="Saiba mais" less_text="Saiba menos" height="0" text_color="#86b2ed" link_style="dashed" more_icon="icon: chevron-down" less_icon="icon: chevron-up"]Professora Instrutora de Mindfulness do Centro Mente Aberta Mindfulness Brasil . Supervisora do programa Terapia Cognitiva Baseada em Mindfulness para a Depressão e para a Vida (MBCT-D e MBCT-L) pelo Centro de Mindfulness da Universidade de Oxford (OMC). Professora do Search Inside Yourself e facilitadora dos protocolos ingleses Taking it Further, Paws.B e WorplaceMT. Graduada em publicidade, possui MBA pela FGV.

Instagram: @thaisrequito

Website: www.thaisrequito.com[/su_expand]


Matéria do jornal inglês “The Guardian” de 23 de novembro de 2021 anunciou as primeiras novas diretrizes do sistema de saúde pública do Reino Unido (NHS) em décadas, para o tratamento da depressão em adultos. Segundo as novas diretrizes, milhões de pessoas com depressão leve na Inglaterra deverão receber terapia, exercícios e Mindfulness antes dos antidepressivos. Dr. Paul Chrisp, diretor do centro de diretrizes no Instituto Nacional de Excelência em Saúde e Cuidados (NICE), ressalta que “A pandemia da Covid-19 nos mostrou o impacto que a depressão teve na saúde mental. Pessoas com depressão precisam dessas  ...[MAIS]
Uma pesquisa recentemente realizada pelo Centro Mente Aberta da Unifesp, coordenada por Dr Marcelo Demarzo e desenvolvida pela mestranda Marlucia Santos de Jesus, concluiu que intervenções de Mindfulness no protocolo MBHP (Mindfulness based Health Promotion) são eficazes para a performance e o equilíbrio emocional de atletas paralímpicos. O estudo foi realizado com 27 voluntários, sendo 12 atletas e equipe técnica da seleção brasileira paralímpica de bocha e 15 não atletas, revelando que Mindfulness é aplicável em treino e nas competições, melhorando o equilíbrio emocional, diminuindo os níveis de estresse percebido e ruminação mental e aumentando a  ...[MAIS]
Os treinamentos em mindfulness são eficazes para o gerenciamento do estresse em geral e também para situações específicas, como o estresse crônico relacionado ao trabalho, que chamamos de burnout (ou síndrome do esgotamento profissional). A profissão de “professor” está entre as que mais desenvolvem burnout, além de ansiedade e depressão, em especial quando as condições estruturais de trabalho não são adequadas. Os principais sintomas são exaustão emocional, despersonalização (sensação de estranhamento ou “separação” de si mesmo e com as atividades de trabalho —distanciamento ou não-engajamento), e sensação de falta de eficácia ou realização pessoal. Uma série de pesquisas nos mostram que  ...[MAIS]
Desde o anúncio da pandemia do novo coronavírus, a mudança repentina na rotina de vida dos brasileiros desencadeou crises de ansiedade e pânico em pacientes já diagnosticados, e até em quem não tinha histórico desses transtornos mentais. A prática de mindfulness é uma das aliadas para o desenvolvimento de autocontrole durante as crises, porque é capaz de reduzir a preocupação excessiva, entre outros benefícios. Essa relação acontece porque ambos os quadros podem ser desencadeados, entre outras causas, pelo medo do que possa acontecer (infecções, mortes, perdas financeiras), e pela sensação de impotência diante de uma situação  ...[MAIS]
Existe uma relação inversa entre estarmos mais atentos e nos sentirmos "estressados", ou seja, quanto mais estamos presentes e atentos em nós mesmos e no que estamos fazendo, melhor lidamos com o estresse do dia a dia. É comum encontrarmos a palavra "mindfulness" (atenção plena, conheça mais) associada às palavras "redução do estresse", mas nem sempre fica claro o "porquê" dessa relação. Aliás, ainda há muita confusão nesse tema. Por exemplo, como para praticar mindfulness usamos algumas técnicas simples e científicas de meditação, muitas vezes se confunde mindfulness com "relaxamento" ou "mente em branco". Mas as  ...[MAIS]
Uma das principais causas de estarmos cada vez mais percebendo o estresse aumentar em nossas vidas é o excesso de informação e estímulos. A maior fonte desses estímulos, como sabemos, são a internet e os smartphones, e em especial, as redes sociais (facebook, instagram, etc., etc.) e os aplicativos de mensagens instantâneas (whatsapp, etc., etc.). Como essas coisas são cada vez mais parte integrante de nossa vida moderna e não as eliminaremos (e inclusive elas nos ajudam, sendo úteis em várias situações), o melhor caminho é equilibrarmos as coisas. Assim, podemos deixar a vida um pouco mais simples, no sentido de  ...[MAIS]
Os exercícios e programas de mindfulness são eficazes para o gerenciamento do estresse em geral, e também para situações especificas, como o estresse crônico relacionado ao trabalho, que chamamos de burnout (esgotamento profissional). Uma pesquisa recente na Inglaterra mostrou que 81% dos médicos especialistas desejariam se aposentar antes do tempo previsto devido ao estresse relacionado ao trabalho e seus efeitos negativos sobre as relações pessoais, qualidade do sono e saúde física. Aproximadamente 60% dos profissionais de saúde relatam burnout, sendo particularmente vulneráveis à síndrome de esgotamento profissional, que é caracterizada pela exaustão emocional, despersonalização (sensação de  ...[MAIS]
Entre os conceitos relacionados a mindfulness, a ideia de aceitação tem a ver com a possibilidade de nos aproximarmos e compreendermos a realidade das coisas e dos fenômenos (internos e externos) como eles realmente são, ou seja, sem interferência de juízos prévios de valor. Seria tentar não adivinhar ou filtrar a realidade com as lentes do passado ou com base em nossas expectativas, que é bastante comum. Um exemplo é quando classificamos uma pessoa como "difícil" e mantemos essa "etiqueta" ao longo dos anos, mesmo que ela já tenha mudado ou nós mesmos já tenhamos outra  ...[MAIS]
Nesse post vou ensinar três técnicas simples para quem quiser começar a treinar a atenção plena para lidar melhor com o estresse do dia a dia (incluindo links para áudios de apoio). Mas, antes vou explicar brevemente como o mindfulness pode ajudar a lidar com o estresse. Para entender melhor como funciona, vamos dividir o estresse em “fator de estresse” versus “resposta ao estresse”. O “fator de estresse” seria tudo aquilo que gera a sensação aumentada de estresse, como o trânsito, as contas do mês que não fecham, as relações difíceis com os colegas de trabalho ou  ...[MAIS]